Faça parte do iCustomer Super Team

VAGA (1): Analista de Redes Sociais Jr. ou Pleno (CLT)
Brooklin Novo-SP

Descrição: Estamos procurando um analista – junior ou pleno – para se juntar ao nosso time de Buzz Intelligence. 
As principais funções do profissional é coletar, estruturar e analisar dados e indicadores de performance para marcas de grande porte; realizar análises estratégicas com foco em segmento de mercado; gerar insights e outras atividades da área.

Pré-requisitos:
– Domínio nas principais plataformas de mídias digitais
– Conhecimentos em Excel e Power Point
– Facilidade em traduzir dados em análises qualitativas
– Noções de KPIs
– Boa escrita/redação

Diferenciais:
– Ensino superior completo
– Avançado em Excel e Power Point
– Experiência anterior em Buzz Intelligence

– Conhecimento em estatística

– Inglês e/ou espanhol fluente 

Benefícios:
VR+VT+Plano de Saúde

Enviar currículo com PRETENSÃO SALARIAL (obrigatório) para o e-mail:

brunasouza@icustomer.com.br

5 dicas para se manter sempre atualizado e tranquilo

image

Quem nunca se desesperou ao pegar o celular antes mesmo de sair da cama,  deparar-se com centenas de novos e-mails e com as notificações de notícias sobre o trabalho, o mercado, o mundo, a política, enfim, sobre a vida louca e ligada no 220W? Aquela sensação de que tudo aconteceu e de que se tem que correr para se atualizar faz o coração disparar. E o dilema: tenho que gastar o dia me atualizando ou seleciono o que, de fato, é mais importante? E o que é mais importante, afinal de contas?

A tecnologia tem papel duplo nesse dilema. Ela é a vilã e a mocinha. Ao proporcionar um dispositivo que coloca milhares de dados e informações numa velocidade absurda bem nas nossas mãos, um volume impossível de ser processado pela mente humana cria uma ansiedade e o temor de “não dar conta”, uma reação chamada FOMO – Fear of Missing Out. Contra esse cenário vilão, o outro lado da moeda, a tecnologia mocinha, pode ajudar com dispositivos de organização, que, também, podem trazer mais tranquilidade no dia a dia de quem, sim, toca a vida com muitos afazeres.

Separamos algumas dicas para que você tenha a tecnologia ao seu lado:

  1. Reveja suas Notificações

Você precisa saber o que acontece na Disney, na roda dos seus 2 mil “amigos” do Facebook e da política havaiana todos os minutos do seu dia? Reveja sobre o que quer ser notificado. Se você tem três caixas de e-mail, analise quais você precisa receber atualizações automáticas. Reveja seus aplicativos e os ajustes de notificação de cada um pensando na importância que eles tem no seu momento atual. Esse pequeno ajuste vai ajudá-lo grandemente. Menos notificações é mais tranquilidade.

  1. Organize e priorize

A Internet é um mundo paralelo com incontáveis sites, redes sociais, blogs e portais de notícias sobre todos os assuntos possíveis, imagináveis e até inimagináveis. Para não se perder no meio do “quero saber tudo, agora”, vale organizar-se e lançar mão de alguns dispositivos que podem ajudá-lo a organizar e a priorizar sua leitura.

O primeiro passo é escolher sobre o que ler. Pense na sua área de trabalho, carreira, hobbies e demais interesses. Selecione os mais importantes, de acordo com o seu momento, e crie listas de leitura por tema.  Cuidado para não criar listas demais: você não dará conta de lê-las e pode se frustrar.  Para criar as listas, use os links RSS tradicionais ou as funções “Lista de Leitura”, disponíveis tanto no Safari (iOS) quanto Firefox (Android e Windows).

Se a sua empresa tem plataformas de monitoramento, como as da iCustomer, e-Life, Scup ou outra, você pode customizar ainda mais sua busca e organização de leitura. A solução da iCustomer se chama RSS Monitor. Ela faz a busca e entrega listas atualizadas periodicamente com as principais notícias e artigos. Sua única preocupação é cadastrar palavras-chave sobre os temas desejados e categorizá-los. E voilá!

  1. Agende-se

A segunda-feira vai chegando e uma agenda mental começa a brotar na sua cabeça. Mais do que achar tempo para encaixar mais uma reunião é se organizar para ter qualidade no seu tempo dedicado.

Todos os sistemas operacionais de celular oferecem uma agenda virtual em que é possível marcar reuniões e organizar seu dia. Se quiser um aplicativo mais robusto, use o Cal, da família do Any.Do. Ele sincroniza dados com o Google Calendar e o Exchange e se integra à redes sociais como o Facebook para importar informações dos eventos do usuário.

Marque uma reunião diária com você mesmo e tire esse tempo para limpar sua caixa de e-mails, ler os artigos mais importantes, navegar pelos portais de notícias, planejar suas próximas atividades e, é claro, relaxar.

  1. Foco e Concentração

Concentre-se no que está fazendo seja lá o que for. Ao manter o foco, você reduz o tempo gasto em cada atividade e aumenta sua produtividade. Para evitar interrupções e distrações, use a função “Não Perturbe” (iOS) ou o aplicativo Silencify (Android), com as mesmas características.

  1. Anote e Desapegue

Ao ler seus e-mails, notícias e artigos, faça pequenas anotações para não ter de voltar à fonte original quando precisar lembrar de alguma informação. Use aplicativos como o Evernote ou o Google Keep para ter suas anotações sempre por perto.

Quando terminar, analise se precisa guardar as mensagens e links. Crie pastas temáticas para organizar sua caixa de e-mail, delete spams e  cancele sua inscrição em malas diretas e Newsletters que não te interessam mais. Nas suas listas de leitura, avalie se os links ainda te interessam e remova o que não lhe convier mais.

Para saber sobre o RSS Monitor, acesse (link). Se você quer conhecer mais sobre a plataforma iCustomer, entre em contato conosco no telefone (11) 5091 2777 ou marketing@icustomer.com.br

Estratégias para o Sucesso de Comunidades Corporativas

As empresas adotam o Social Business para ter como benefícios a ampliação da produtividade e a otimização dos processos de trabalho. Entretanto, apenas adquirir as ferramentas de colaboração não garante o seu sucesso. O resultado positivo depende de fatores como o envolvimento da alta liderança da empresa, a definição de metas para a rede alinhadas com as da empresa, e o estudo das necessidades dos colaboradores, para entender quais propósitos a comunidade deverá ter.

As funcionalidades escolhidas devem ser instrumentos que otimizem o fluxo de trabalho, ao invés de ferramentas complexas sem uso prático. Também é indicada a integração com outros sistemas já adotados pelos colaboradores, o que facilita a transição para o novo modelo e incentiva a adoção da rede.

Após a configuração da rede e antes do seu lançamento, treinar a equipe interna é fundamental para consolidar a implementação do modelo de Social Business. Essa imersão na rede ajuda no engajamento entre colaboradores, que também pode ser impulsionado por diversas estratégias: a criação de conteúdo relevante, o uso de gamificação, a adoção de usuários “embaixadores” e até mesmo o contato diário com os usuários.

A partir do lançamento da plataforma, a mensuração e acompanhamento das atividades devem ser constantes para acompanhar a evolução da comunidade e garantir que as metas serão cumpridas e até mesmo corrigir eventuais erros e rever processos que não estejam apresentando os resultados esperados. Além dessas medidas, o envolvimento de lideranças e a dedicação de uma equipe para o sucesso comunidade são alguns dos fatores que influenciam o sucesso das plataformas sociais – evitar que virem verdadeiras “cidades fantasmas”.

Quer entender melhor como isso pode ajudar a sua empresa? Conheça o caso da Cisco, que em poucos meses após a implantação, já constatava maior engajamento e informação de seus funcionários.

A iCustomer é especialista na consultoria para implantação de plataformas corporativas, realizando todo o processo, da análise das necessidades do negócio até a gestão da rede. Entre em contato conosco e veja como o modelo social de negócios pode ser útil para sua empresa.

Como a colaboração pode aumentar a sua produtividade

Muito se diz sobre a colaboração – aplicativos e novas maneiras de organização social estão surgindo com base nesse novo conceito, especialistas apontam como a nova tendência corporativa e que vai revolucionar o universo digital. Mas ainda assim, muitos se perguntam: como trazer a colaboração para dentro da sua empresa? Ou por que?

colab-content

O Modelo Social de Negócios surgiu como uma das tendências corporativas de colaboração. Ao adotá-lo, sua empresa passa a utilizar ferramentas que derrubam as barreiras organizacionais – tudo para facilitar a colaboração, melhorar a produtividade, consolidar o conhecimento tácito da companhia e organizar as ideias para melhorar soluções ofertadas aos clientes. Um relatório de 2012 do McKinsey Global Institute já apontava que entre US$ 900 mi e US$1,3 bi serão lucrados por meio do uso de tecnologias sociais nas empresas.

Esse “lucro” surge a partir do momento que forma-se equipes interdisciplinares, que tendem a aproveitar melhor o capital humano já disponíveis dentro da organização. diminuindo custos com a contratação de terceiros ou a busca por consultorias externas, além de incentivar o trabalho em equipe e a integração entre diversos setores da companhia. A cultura organizacional de empresas que querem seguir esse caminho deve ser flexível para facilitar o fluxo de informações e interações entre os colaboradores e o entendimento do contexto atual das mesmas.

Os três pilares básicos para a construção de uma rede colaborativa, estrutura criada a partir da adoção do modelo social de negócios, são: complementariedade, coordenação e comunicação. O trabalho é feito de maneira mais linear – nas principais estruturas das ferramentas, todos podem contribuir independente do departamento do qual fazem parte. Além disso, a estrutura digital auxilia cada membro da equipe em sua função específica, facilita a comunicação entre todos os funcionários e oferece mecanismos que impulsionam a colaboração, diminuindo o tempo de trabalho e aprovação de um único documento, além de aumentar a transparência por toda a empresa.

Muitas empresas já adotam esse modelo e lucram com soluções inovadoras para seus problemas e no desenvolvimento de novos produtos. E, conforme apontado pelo Harvard Business Review (confira o link aqui https://hbr.org/2011/05/new-ways-to-collaborate-for-pr), é importante analisar toda a estrutura empresarial e apontar os melhores caminhos e ferramentas para a execução do processo a partir de cada realidade encontrada. A recomendação é ter uma consultoria desde o início da implementação, para que o modelo social de negócios seja adaptado à realidade e às necessidades da sua empresa.

A ICustomer oferece plataformas digitais e soluções para um ambiente colaborativo para sua empresa ao incentivar a troca de conhecimento e experiências entre seus colaboradores. Pergunte-nos como!